843942515 Moztingomas98@gmail.com
Segunda-feira, Fevereiro 6, 2023
Desporto

“Sporting, Benfica e Barcelona têm as mesmas chances de vencer a Champions”

11views

 

"Sporting, Benfica e Barcelona têm as mesmas chances de vencer a Champions"

O treinador da equipa de futsal do Sporting, Nuno Dias, quer “jogar nos limites” para lutar pela Liga dos Campeões, apesar de referir que todas as equipas presentes na final four estão preparadas para vencer.

Os leões, que conquistaram duas das três últimas edições da competição, em 2019 e 2021, vão enfrentar na meia-final os franceses do ACCS Asnières Villeneuve, equipa do português Ricardinho e que foi repescada devido à exclusão dos russos do Tyumen, chegando a esta fase da prova pela primeira vez.

“Espero as dificuldades normais de quatro equipas que conseguiram ser as finalistas da competição mais importante do mundo de clubes e nós tivemos a competência de marcar presença”, disse à Lusa o técnico, que lidera a equipa detetora do troféu.

Nuno Dias lembrou que a formação francesa está “altamente motivada” por chegar pela primeira vez a esta fase da Liga dos Campeões e elogiou os jogadores adversários, lembrando que conta com “internacionais franceses de qualidade”.

“Já os defrontámos na main-round e tivemos muitas dificuldades para vencer, num jogo em que vencemos por 4-3 e estivemos por duas vezes a perder”, destacou.

Nas últimas cinco épocas, o Sporting marcou presença em quatro finais da Champions, com duas vitórias e duas derrotas no jogo decisivo, somando ainda uma outra final perdida em 2010/11, com o técnico a salientar que quer a sua equipa a “jogar nos limites” para chegar a nova final.

“A pressão somos nós que colocamos a nós próprios, no nosso desempenho e no que fazemos. Acreditamos que o adversário, sendo um outsider, jogue mais desinibido e com a motivação extra de jogarem contra o campeão europeu, mas o mais importante é o que podemos fazer e a forma séria como vamos abordar o jogo”, explicou.

Nuno Dias rejeitou a ideia de que o Sporting seja o favorito a conquistar a prova pela terceira vez, colocando o Benfica e o Barcelona, que se vão defrontar na outra meia-final, no mesmo patamar.

“As equipas que chegam a esta fase estão todas preparadas para vencer, talvez com a equipa francesa num patamar abaixo, mas Sporting, Benfica e Barcelona todas têm a mesma responsabilidade e as mesmas chances de vencer. A equipa francesa é que a tem, talvez, menos chances, mas o Sporting também já esteve nesse lugar e venceu”, recordou.

O técnico não se mostrou preocupado com a presença ou ausência de Ricardinho na quadra pela equipa francesa, apesar de elogiar o jogador português, preferindo manter o foco no que será o desempenho dos “leões”.

Sobre o recente desaire frente ao Benfica, no campeonato, por 3-2, Nuno Dias explicou que existem sempre aspetos a retirar de todos os jogos, não apenas por se tratar de uma derrota.

“Parece que quando uma equipa perde existem só coisas más a retirar e quando ganha sempre boas, mas não é o caso. Já houve jogos em que vencemos o Benfica, e vencemos bem, e retirámos mais coisas más do que no último jogo”, afirmou.

Já em relação à presença de duas equipas lusas na final four, o treinador disse que é apenas mais um sinal de que o futsal português está no topo.

“Sporting está no topo do mundo há muito tempo e Portugal também. Esta presença de duas equipas é apenas mais uma justificação para que olhem para o futsal português dessa forma. O Sporting e o futsal português são uma referência mundial há muito tempo, esta é uma prova que continuamos nesse patamar, não é algo novo”, concluiu.

O jogo entre o Sporting e o ACCS Asnières Villeneuve está agendado para sexta-feira, pelas 16:00 (horas em Lisboa), na Arena de Riga, na Letónia, que acolhe a final four.

Leave a Response