Mais Futebol

Just another WordPress site

Chegou no Sporting como “reforço” e foi condenado a pagar indemnização milionária ao Racing Santander

O médio argentino Mateo Tanlongo, atualmente vinculado ao Sporting e emprestado ao Rio Ave, foi condenado pelo tribunal de Rabago a pagar uma indemnização de um milhão de euros ao Racing Santander. A decisão do juiz Pablo Rueda Díaz surge após um processo em que o clube espanhol acusou o jogador de não cumprir um compromisso previamente estabelecido.

Segundo o jornal ‘AS’, a controvérsia iniciou-se quando Tanlongo, apesar de um alegado acordo com o Racing Santander, optou por seguir para o Copenhaga em empréstimo, antes de finalmente se juntar ao Sporting. O presidente do Racing Santander, Manolo Higuera, sustentou a acusação com várias provas durante o julgamento, incluindo mensagens trocadas com o agente do jogador e um vídeo de apresentação que o clube tinha preparado antecipadamente.

Além de Higuera, Mikel Martija, diretor-desportivo, e Roberto González, diretor de comunicação do Racing, também testemunharam, afirmando que Tanlongo havia visitado Santander com o seu pai, um representante e um assessor externo, reforçando a existência de um acordo prévio.

Esta condenação coloca Tanlongo numa situação delicada, afetando não só a sua carreira mas também a sua imagem perante os adeptos e outros clubes. O Sporting, contactado pelo jornal ‘A Bola’, optou por não comentar o caso, mantendo-se à margem da controvérsia. Esta decisão judicial poderá ter repercussões futuras tanto para o jogador como para o clube que atualmente detém o seu passe.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *